Como brincar com seu bebê: sugestões de jogos para crianças de até 2 anos

Como brincar com seu bebê: sugestões de jogos para crianças de até 2 anos

Mais do que uma forma de entreter o bebê, a brincadeira é a linguagem primária das crianças. Confira vários jogos de neném para você se divertir com seu pequeno.

Como brincar com seu bebê: sugestões de jogos para crianças de até 2 anos

Você certamente já deve ter ouvido o bordão “é brincando que se aprende”. E é verdade: diferentemente de outros animais, os seres humanos precisam de muitos estímulos durante os dois primeiros anos de vida para desenvolver as habilidades cognitivas, motoras e sociais. É nessa faixa etária que será formado o maior número de conexões cerebrais mais importantes.

A Dra. Ana Abreu, professora e pesquisadora da Universidade Federal de Alfenas e PhD em educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, explica a teoria criada por um dos mais importantes pensadores do século XX, o psicólogo suíço Jean Piaget: “Para ele, as características do ser humano, especificamente até os dois anos de idade, se encontram no estágio conhecido como sensório-motor, momento em que a brincadeira é necessária para que a criança construa conhecimentos nas mais diversas dimensões — afetiva, moral, social, física e cognitiva. O brincar é tão importante que é considerado a primeira linguagem da criança.”

Especialistas dividem em quatro categorias os jogos que fazem parte da infância, são elas: os Jogos do exercício do pensamento, em que o pequeno começa a tagarelar sem muito sentido pelo prazer de combinar palavras e prestar atenção em seus sons, ou também quando quer saber os porquês de tudo; os Jogos de exercício, quando as crianças repetem movimentos e gestos simples, como agitar os braços para entender e testar como funciona seu corpinho e suas movimentações no espaço; os Jogos simbólicos, que podem ser descritos quando a criança começa a fazer uso do universo imaginário e se colocar em situações-problema, e os Jogos da construção, quando já possuem noções de comportamento e ações e começam a imitar a realidade que as cercam.

Foi pensando nestas quatro divisões e nas necessidade de desenvolvimento de cada bebê que a Dra. Ana reuniu os tipos de jogos que podem ser feitos com crianças desde o momento em que nascem até completarem dois anos de idade:

Até 6 meses, jogos de exercício do pensamento e de exercício com:

  • Chocalhos;
  • Mordedores;
  • Móbile;
  • Livrinho e brinquedos de banho;
  • Fantoches de banho;
  • Fantoches de pano;
  • Músicas;

  • De 6 meses a 1 ano, jogos de exercício do pensamento e de exercício com:

  • Brinquedos de encaixe;
  • Brinquedos com argola;
  • Brinquedos para empilhar ou encaixar;
  • Brinquedos de percurso do objeto, exemplo de carrinhos que encaixam;
  • Brinquedos de botões;
  • Fantoches de pano;

  • De 1 a 2 anos, jogos de exercício do pensamento e de exercício como:

  • Jogos de empilhar;
  • Jogos de encaixar;
  • Brinquedos de cubos de pano;
  • Bichos de pelúcia;
  • Bonecos-de-pano (tanto para garotas, quanto para garotos);
  • Cavalinho-de-pau (tanto para garotas, quanto para garotos);

  • A partir de 2 anos, jogos de exercício do pensamento, de exercício, simbólicos e da construção:

  • Faz de conta;
  • Fantasias para brincar livremente;
  • Vida diária (as imitações das atividades do cotidiano começam com brincadeiras de casinha, dirigir, cuidar de bonecas, telefonar, limpar a casa, escolinha etc);
  • Brinquedos de desmontar
  • Blocos de construção
  • Leitura de histórias com brincadeiras cantadas e com interação
  • Túneis para passar dentro
  • Pequenos escorregadores
  • Carrinhos e brinquedos de puxar
  • Brincadeiras com músicas e reconhecimento do corpo 

Em todas as fases, a exploração de leituras infantis, mesmo que os pequenos ainda não sejam alfabetizados, e as músicas contribuem para o desenvolvimento infantil.

REFERÊNCIAS

Fonte: “Tipos de jogos que fazem parte da infância” – Fundação Maria Cecília Souto Vidigal.
http://issuu.com/fmcsv/docs/12_lbrincar/1?e=3034920/9902007

LEIA TAMBÉM

Como estimular a autoestima de seu filho?

Veja como pais e familiares podem ajudar a desenvolver uma boa autoestima nas crianças

Ver mais

Educação artística na primeira infância: por que seu filho deve fazer arte

Brincar de massinha, construir um mural com diferentes texturas e ouvir música são atividades que contribuem para o desenvolvimento global do pequeno

Ver mais

Aprendizado: entenda o papel da relação entre pais e filhos

Interagir com a criança ajuda a desenvolver as habilidades e é importante para o futuro

Ver mais

Nós usamos cookies para operacionalizar o site e melhorar cada vez mais sua experiência de navegação. Para mais informações acesse a Política de cookies | Política de privacidade.

Prosseguir