Aprendizado: entenda o papel da relação entre pais e filhos

Aprendizado: entenda o papel da relação entre pais e filhos

Interagir com a criança ajuda a desenvolver as habilidades e é importante para o futuro

Aprendizado: entenda o papel da relação entre pais e filhos

Pais e mães são as primeiras pessoas a criar uma relação com a criança. Por isso, são muito importantes para o desenvolvimento durante seus primeiros anos de vida. A primeira infância, segundo artigo divulgado em uma publicação da Fundação Maria Cecília Souto Vidigal, é uma “janela para o futuro”, em que muita coisa é aprendida. Além disso, o desenvolvimento cerebral é maior neste período se comparado ao restante da vida. Portanto, o papel dos pais e da família neste momento é fundamental.

De acordo com o estudo, o tempo que pais e filhos passam juntos influencia no desenvolvimento emocional e cognitivo das crianças. Seja em brincadeiras, conversas ou momentos de afeto, a dica é buscar se envolver e ter sempre uma interação dinâmica com os pequenos.

Bons exemplos são imprescindíveis. O artigo aponta que as experiências nos primeiros anos de vida têm uma grande influência no desenvolvimento do cérebro. Valores como compaixão, honestidade e generosidade são aprendidos observando os pais.
Na hora de brincar, comemorações e elogios ajudam a autoestima da criança, assim como demonstrações de amor. Beijos e abraços são excelentes para uma boa comunicação e um relacionamento saudável com seu filho!

Amor e atenção são importantes para o futuro da criança. Quanto mais forte a relação entre pais e filhos, melhor!

Referências

Fundamentos da família como promotora do desenvolvimento infantil – parentalidade em foco. Fundação Maria Cecília Souto Vidigal. 2015. Disponível em: fmcsv.org.br

LEIA TAMBÉM

O meio ambiente e a importância do brincar: Cuidar do que está à nossa volta desde cedo

Documento da Rede Nacional Primeira Infância e do Comitê das Nações Unidas sobre os Direitos da Criança analisa o impacto das condições ambientais no direito universal ao brincar.

Ver mais

A percepção do bebê sobre relações de poder: ele identifica o lado mais fraco

Mesmo durante a primeira infância, o bebê está apto a identificar relações de poder, afetividade e hostilidade entre pessoas.

Ver mais

Por que é tão importante brincar com a criança?

Toda criança tem direito de brincar. É o que diz o sétimo dos dez princípios da Declaração Universal dos Direitos da Criança, aprovada em 1959 pela Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU).

Ver mais

Nós usamos cookies para operacionalizar o site e melhorar cada vez mais sua experiência de navegação. Para mais informações acesse a Política de cookies | Política de privacidade.

Prosseguir